LEI DAS “FAKE NEWS” O QUE ESTÁ POR TRÁS?

LEI DAS “FAKE NEWS” O QUE ESTÁ POR TRÁS?

4 de setembro de 2019 0 Por Matheus Oliveira

No Congresso Nacional existe uma forte pressão pela aprovação da “Lei do Abuso de Autoridade” projeto este que tem como intenção colocar amarras em investigações, ações policiais, oferecer recursos para que um criminoso basicamente consiga colocar por exemplo a polícia; investigadores e procuradores de joelhos, já não bastasse a sacanagem realizada pela classe política, outra coisa pior veio junto com o pacote, que é a questão das “Fake News”.

O cerne na questão não se trata de uma notícia ser falsa ou não, mas sim, que moral tem a mídia tradicional e uma classe política decadente para nos dizer o que é verdade ou mentira?

Os jornalistas do “establishment” ou estamento burocrático, por anos e anos foram os maiores ocultores da existência do Foro de São Paulo que é uma entidade que reune grupos políticos e partidos de esquerda da América Latina junto com narcotraficantes e toda a indústria de sequestros e terrorismo da AL, a grande mídia foi a grande responsável pela repressão de todo o pensamento genuinamente direitista dentro das centrais e redações de jornais, mentem descaradamente sobre as raízes do crime organizado, que tem muito mais haver com a junção das guerrilhas e da mentalidade revolucionária dentre prisioneiros comuns, vide a história de Ilha Grande e da fundação do Comando Vermelho, do que propriamente com condições econômicas ou “opressão burguesa”.

Os próprios jornalistas não são flor que se cheire, em seu trabalho, muito mais se preocupam com os efeitos políticos e como a notícia vai impactar na mente das pessoas, do que o fato em si que compõe uma notícia.

Por esses e mais motivos, a mídia NÃO TEM MORAL ALGUMA PARA NOS DIZER O QUE É VERDADEIRO OU FALSO.

A classe política vê uma grande oportunidade com a “Lei das Fake News” de poder realizar assédio judicial e moral contra os seus detratores e opositores, sob o pretexto de estarem “divulgando notícia falsa”.

Em suma, a questão das Fake News não tem absolutamente nada a ver com a verdade ou a mentira, mas sim interesses de uma classe midiática e política decadentes, que a cada dia com menos prestígio e credibilidade perante a população, quer ter de novo, o domínio total dos meios de divulgação de notícias e assim protegem seus interesses e objetivos.

Autoria: Matheus