O DILEMA TABATA

O DILEMA TABATA

12 de julho de 2019 0 Por Matheus Oliveira

Ano passado, Tabata Amaral foi eleita deputada federal pelo estado de São Paulo, e desde a Eleição de 2018, grandes trabalhos midiáticos e de propagandas foram feitos em cima da imagem desta deputada, com imagem da “Nova Política” e da nova geração, o grande dilema é, o que realmente se encontra por trás disto tudo?
Para a compreensão de todos, temos de entender como a esquerda se encontra atualmente, muitas personalidades e líderes da esquerda, estão presentes em escândalos de corrupção, diversos crimes na administração pública, etc. Isso faz com que várias figuras da esquerda sejam malvistas e desmoralizadas pela sociedade. Aí é que entra Tabata, pois com a sua pouca idade e estando pela primeira vez na vida pública, a esquerda usa ela para se reinventar e ganhar novamente a confiança do povo e retornar ao poder hegemônico.
Quem está por trás da ascensão de Tabata?
Foro de São Paulo: O PDT sendo um dos membros do Foro de São Paulo, é tão alinhado às resoluções, metas e objetivos desta organização criminosa, quanto o PT, FARC, MIR Chileno, etc. E em esforços coletivos para um possível “retorno triunfante” da esquerda em 2022, o PDT está organizando e preparando novas figuras para a esquerda, assim realizando uma troca de gerações, sai a velha esquerda desgastada e desmoralizada, e entra uma “nova esquerda” que com toda a propaganda em cima de novas lideranças, pretende voltar ao poder para nunca mais sair.
Metacapitalistas: Tabata Amaral, como qualquer socialista de iPhone, vive pregando a retórica esquerdista, mas adora gozar do bom estilo de vida que o capitalismo promove.
Metacapitalistas segundo o prof. Olavo de Carvalho, é um indivíduo que ficou muito rico com a economia de mercado, e que para proteger-se das variações de mercado e de possíveis concorrentes às suas empresas, financiam esquerdistas, para que estes, criem regulamentações e leis absurdas que dificultem a ascensão de empresas, destruam pequenas e micro-empresas, fazendo assim, com que somente quem possua grandes quantidades de dinheiro, possa estar presente no mercado. E daí que surge Jorge Lemann, que é o segundo homem mais rico do Brasil, interessado em assegurar sua fortuna das variações de mercado e da concorrência, financiou diversas campanhas eleitorais em 2018 de candidatos esquerdistas, dentre uma das campanhas, encontra-se a de Tabata Amaral.
Não bastasse tudo isto, a propaganda feita através de Tabata Amaral, está enganando direitistas mais desavisados, que enxergam nela, “uma figura autônoma de ideologia”, “que está disposta a ir contra o partido por algo necessário”, “sensatez”, etc. Sendo que na verdade, Tabata Amaral está mais do que nunca, sendo uma importante engrenagem que compõem a máquina esquerdista, jamais um esquerdista fará algo em prol do Brasil e dos brasileiros, e sim somente em sua própria imagem e a seu benefício.
Aos direitistas um alerta, o canto da serpente encanta e seduz, mas seu veneno destrói e mata a todos que se aproximam.