Movimento Ação Conservadora

“Governarei em beneficio de todos” diz Bolsonaro na diplomação

Na tarde desta segunda-feira (10), em cerimônia no Tribunal Superior Eleitoral (TSE, o então eleito presidente da República Federativa do Brasil; Jair M. Bolsonaro (PSL) e o seu vice Hamilton Mourão (PRTB), receberam da ministra Rosa Weber o diploma.
A diplomação é uma solenidade indispensável para que os eleitos para a nova legislatura possam tomar posse. Ela dá ao eleito a confirmação real de que cumpriu todas as formalidades previstas na legislação eleitoral e está totalmente apto a exercer o mandato de 4 (quatro) anos.
A solenidade foi iniciada com o Hino Nacional sendo executado pela Banda dos Fuzileiros Navais. o evento no TSE foi marcado pela presença de mais de 700 convidados para assistir, segundo a assessoria do tribunal. Compareceram à cerimonia o presidente do STJ, João Otávio de Noronha, os presidentes da Câmara e do Senado, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e Eunício Oliveira (MDB-CE), o comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, entre outros.
Tal evento realizado ontem, marca o início da “segunda temporada” do processo de transição de governos. Sendo concluídas as indicações do futuros ministros, é a vez de montar as equipes de segundo escalão. Desta vez, Jair Bolsonaro irá admitir indicações de partidos políticos, mas acentua que não haverá troca de favores. Serão ao todo, 10 mil cargos de livre nomeação para indicar para o Executivo.
Durante o evento, o então presidente Jair Bolsonaro declarou: “Aos que não me apoiaram, peço a sua confiança para construirmos juntos um futuro melhor para nosso país”. E ainda afirmou que no evento que, a partir de 1° de janeiro de 2019, será o presidente dos 210 milhões de brasileiros. “Governarei em benefício de todos, sem distinção de origem social, raça, sexo, cor, idade ou religião”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.